Na Terceira reunião da Agenda de Recepção dos Candidatos, recebemos o Dr. João Guilherme Moraes, vice do candidato Ney Leprevost e a C.D. Dra. Pricila Souza, candidata a vereadora.

Nesta terça feira, 13 de setembro, o CRO-PR recebeu, em mais uma reunião da Agenda de Recepção dos Candidatos, o candidato a vice-prefeito na chapa de Ney Leprevost, o oftalmologista Dr. João Guilherme de Moraes e a candidata à vereadora, a C.D. Dra. Pricila Souza. A reunião teve a tradução simultânea em LIBRAS, feita pela Sra. Fernanda Bruni.

A abertura foi feita pelo C.D. Dr. Celso Yamashita, representando a presidência do CRO-PR, que apresentou os candidatos, nominando também a presença na mesa, da C.D. Dra. Lilian Pasetti, representando o SOEPAR.

O Dr. Yamashita iniciou a reunião comentando sobre os principais questionamentos que vem sendo feitos aos candidatos, como o desequilíbrio entre população, número de profissionais e escolas de graduação, do tratamento diferenciado da Vigilância Sanitária para as redes pública e privada, da burocracia nos trâmites para formalização de clínicas e consultórios que existem na prefeitura e adicionalmente, sobre o ótimo conceito com qual Curitiba era reconhecida e a realidade atual das políticas e estruturas disponíveis à população.

Na sequência, a Dra. Lilian, do SOEPAR reforçou os pontos anteriores e adicionou ao rol de assuntos, a necessidade de uma política clara para a Odontologia hospitalar no município e a valorização profissional em que citou as condições de trabalho na rede pública.

O Dr. João Guilherme, candidato à vice para a prefeitura ouviu os questionamentos e argumentou que globalmente as questões devem ser resolvidas com diálogo e com a convocação de profissionais com maior preparo técnico na gestão dos setores na prefeitura. Comentou que com o seu trabalho com saúde, uma vez que é Oftalmologista, mesmo não tendo um grande histórico político, que tem experiência no setor de saúde, conhece  diversas entidades e que trabalha e trabalhou em vários hospitais e que assim, se estabelece que a escolha de profissionais que conhecem a área técnica possam ser uma via para a melhoria das políticas municipais para o setor.

Disse ainda que entende que existe a necessidade de um gestor para a área odontológica e  que se eleito, pretende ouvir as entidades de classe e profissionais para que sejam determinadas as ações mais efetivas em cada caso. Exemplificou o atendimento emergencial, em que entende que é mais eficiente e factível, melhorar a performance da estrutura ora disponível através da melhoria da aplicação dos investimentos caso seja comandada por quem tem uma melhor experiência no segmento.

Com a palavra, a C. D. Dra. Pricila Souza, apresentou suas propostas com foco "em pessoas" e não em "tratamentos", como uma forma de mudar a visão das políticas de saúde do município. Passou também o seu entendimento da necessidade de uma busca maior nas políticas de prevenção em substituição à visão curativa, que se torna mais cara para o Estado e para o cidadão, seja em termos monetários ou em termos de qualidade de vida. A candidata também defendeu em suas propostas, a "educação em saúde bucal" e outras propostas relativas á saúde com grande amplitude de disciplinas e mostrou visão das necessidades do cidadão desde a infância à Melhor idade.

A Dra. Pricila pediu a palavra à Sra. Beatriz Schiebler, que fez um depoimento sobre um ocorrido com o filho que, ao cair da cama teve ferimentos importantes na boca, em que contou sobre a necessidade de atendimento e que, por ser noite, não conseguiu atendimento odontológico de emergência. Sobre o caso, foi discutido o entendimento da necessidade de plantões odontológicos nas unidades de saúde e rede credenciada o que não acontece regularmente em Curitiba hoje.

No fechamento da reunião, foi consenso a necessidade de maior representatividade da Odontologia na definição das políticas de saúde no município, o que vai de encontro com a ação do CRO-PR em valorizar os candidatos da área Odontológica. Assim também, as questões levantadas nessa reunião serão acrescidas à lista de intenções que o CRO-PR pretende entregar aos candidatos para a defesa da comunidade e da classe Odontológica.

Agradecemos o comparecimento dos candidatos e sua disposição ao diálogo com os presentes e com a classe odontológica.

  • Fonte: Setor de Comunicação do CRO-PR

Voltar

Lista de Notícias

Confira a lista completa de notícias

Notícias sobre o que acontece, novidades e muito mais.